Utilização de composto orgânico proveniente da indústria de celulose na cultura do crambe

Raquel Santos Sacramento, Joseane Oliveira da Silva, Lorena Lima Ferraz, Samara Teixeira Pereira

Resumo


As indústrias do setor de celulose geram grandes quantidades de resíduos em seu processo produtivo, onde a maioria possui características que favorecem o seu reaproveitamento. Visto isso, o presente trabalho teve como objetivo avaliar os efeitos da aplicação de doses crescentes do composto orgânico, humoativo proveniente de lodo biológico da estação de tratamento de efluentes de uma indústria celulósica localizada no sul do estado da Bahia, no desenvolvimento da cultura do crambe. As doses do composto orgânico apresentaram diferenças significativas a 1% de probabilidade para as variáveis massa seca da raiz (MSR), massa seca da parte aérea (MSPA) e massa seca total da planta (MST), evidenciando que as diferentes doses do composto orgânico influenciaram no comportamento das variáveis. Além disso, a maior dose do composto orgânico proporciona um maior conteúdo de nitrogênio, fósforo, potássio e cálcio, sendo o nitrogênio o macronutriente mais absorvido pelo crambe.

 

DOI: https://doi.org/10.5281/zenodo.3612310


Palavras-chave


Crambe; nutrição; composto orgânico

Texto completo:

PDF (Português)

Referências


Amado, T. J. C.; Mielniczuk, J.; Aita, C. (2002). Recomendação de adubação nitrogenada para o milho no RS e SC adaptada ao uso de culturas de cobertura do solo, sob sistema plantio direto. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 26(1), 241-248.

Broch, D. L.; Roscoe, R. (2010). Fertilidade do solo, adubação e nutrição do crambe. In: FUNDAÇÃO MS. Tecnologia e produção do crambe. Maracajú: Fundação MS, v.1, p.22-36.

Carneiro S. M. T. P. G.; Romano E.; Marianowski T.; Oliveira J. P.; Garbim T. H. S.; Araujo P. M. (2009). Ocorrência de Alternaria brassicicola em crambe (Crambe abyssinica) no estado do Paraná. Summa Phytopathologica, 35(2).

Colodetti, T. V.; Martins, L. D.; Rodrigues, W. N.; Brinate, S. V. B.; Tomaz, M. A. (2012). Crambe: Aspectos gerais da produção agrícola. Enciclopédia Biosfera, 8(14), 258-269.

Corrêa, J. C. et al. (2008). Aplicação superficial de escória, lama cal, lodos de esgoto e calcário na cultura da soja. Pesquisa Agropecuária Brasileira, 43(9), 1209-1219.

EMBRAPA. (1997). Centro Nacional de Pesquisa de Solos. Manual de métodos de análise de solo (2a ed). Rio de Janeiro.

Freitas, M. E.; Souza, L. C. F.; Conus, L. A.; Torres, L. D.; Pedrotti, M. C.; Tanaka, K. S.; Makino, P. A. (2010). Teores foliares de N, P e K do crambe em função da adubação fosfatada e potássica em semeadura e nitrogênio em cobertura. In: Anais do FERTBIO - XXIX Reunião Brasileira de Fertilidade do Solo e Nutrição de Plantas, Guarapari, Embrapa: SBCS.

Frediani, F. R.; Fernandes, F. C. S. (2012). Avaliação de adubação orgânica em crambe. Cultivando o saber. Cascavel, 5(1), 7-13.

Knights, E. G. (2002). Crambe: A North Dakota case study. Kingston: A report for the rural industries research and development corporation, RIRDC. 25p.

Lemainski, J.; Silva, J. E. da. (2006). Avaliação agronômica e econômica da aplicação de biossólido na produção de soja. Pesquisa Agropecuária Brasileira, 41, 1477-1484.

Malavolta, E.; Vitti, G. C.; Oliveira, S. A. (1997). Avaliação do estado nutricional das plantas-princípios e aplicações (2a ed). Piracicaba: Associação Brasileira para Pesquisa da Potassa e do Fosfato.

Mauad, M. et al. (2013). Matéria seca e acúmulo de macronutrientes na parte aérea das plantas de Crambe. Ciência Rural, 43(5), 771-778.

Pitol, C.; Broch, D. L.; Roscoe, R. Tecnologia e Produção: crambe 2010. Fundação MS, Maracajú, 2010.

Prates, F. B. S. et al. (2014). Acúmulo de nutrientes e produtividade de crambe em função da fertilização com torta de mamona e serpentinito. Ciência Rural, 44(5), 810-816.

Rogério, F.; Santos, J. I.; Silva, T. R. B.; Migliavacca, R. A.; Gouveia, B.; Barbosa, M. C. (2012) Efeito de doses de fósforo no desenvolvimento da cultura do crambe. Bioscience Journal, 28(1), 251-255.

Rosolem, C. A.; Steiner, F. (2014). Adubação potássica para o crambe. Bioscience Journal, 30(3), 140-146.

Sampaio, M. C. et al. (2016). Fertilizer improves seed and oil yield of safflower under tropical conditions. Industrial crops and products, 94, 589-595.

Sousa, R. S.; Chaves, L. H. G. (2016). Doses de fósforo e potássio no desenvolvimento da cultura de Crambe abyssinica. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, 11(2), 71-75.


Apontamentos



Direitos autorais 2020 Raquel Santos Sacramento, Joseane Oliveira da Silva, Lorena Lima Ferraz, Samara Teixeira Pereira

ISSN: 2595-4431

 Revista sob Licença Creative Commons

Language/Idioma
02bandeira-eua01bandeira-ingla
03bandeira-spn