Abordagem da Qualidade do Solo nos trabalhos publicados no Brasil.

Rafaela Dembiski Lopes, Fabiane Machado Vezzani, Erick Vinicius Paraguaio

Resumo


Qualidade do Solo (QS) é a capacidade do solo desempenhar suas funções no ambiente e promover a saúde de plantas, animais e humanos. A visão integradora e holística que esse termo abarca exige avaliação conjunta do solo nas dimensões biológica, física e química. QS tornou-se mais debatida a partir dos anos 1990, assim, estudamos as produções científicas em QS realizadas e publicadas no Brasil para verificar o contexto e a abordagem do tema entre 1990-2021 e entre regiões geográficas. Buscamos artigos no Portal Periódicos CAPES/MEC utilizando as palavras-chaves “qualidade do solo” or “saúde do solo” e os filtros língua portuguesa e desenvolvidos no Brasil, e obtivemos 267 artigos. Os resumos foram formatados e distribuídos em oito corpus textuais, de acordo com os dois contextos de análise – temporal e regiões geográficas: 1990-2000 (4 resumos), 2001-2010 (106), 2011-2021 (157), Sul (77), Sudeste (78), Nordeste (55), Centro-Oeste (50) e Norte (7). Cada corpus textual foi submetido à análise de similitude, utilizando o software IRaMuTeQ. Entre 1990-2000 QS associou a atributos do solo nas dimensões biológica, física e química; nos demais períodos, QS foi associada a atributos físicos, e compartimentos de C se destacaram como indicador-chave. Regionalmente, os estudos de QS foram relacionados aos usos do solo característicos de cada região. A relação da QS e biodiversidade apareceu na região Sul. Ressaltamos que a abordagem integradora e holística da QS deve continuar sendo pauta dos futuros estudos sobre o tema no Brasil.


Palavras-chave


Sistemas conservacionistas, Corpus textual, Análise de similitude, IRaMuTeQ.

Texto completo:

PDF (Português)

Referências


Alho, L. C., Campos, M. C. C., Silva, D. M. P. D., Mantovanelli, B. C., & Souza, Z. M. D. (2014). Variabilidade espacial da estabilidade de agregados e estoque de carbono em cambissolo e argissolo. Pesquisa Agropecuária Tropical, 44, 246-254.

Almeida, L. S. D., Ferreira, V. A. S., Fernandes, L. A., Frazão, L. A., Oliveira, A. L. G., & Sampaio, R. A. (2016). Indicadores de qualidade do solo em cultivos irrigados de cana-de-açúcar. Pesquisa Agropecuária Brasileira, 51, 1539-1547.

Alves, M. C., Suzuki, L. G. A. S., & Suzuki, L. E. A. S. (2007). Densidade do solo e infiltração de água como indicadores da qualidade física de um Latossolo Vermelho distrófico em recuperação. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 31, 617-625.

Amado, T. J. C., Mielniczuk, J., Fernandes, S. B. V., & Bayer, C. (1999). Culturas de cobertura, acúmulo de nitrogênio total no solo e produtividade de milho. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 23, 679-686.

Barreto, A. C., Freire, M. B. G. D. S., Nacif, P. G. S., Araújo, Q. R., Freire, F. J., & Inácio, E. D. S. B. (2008). Fracionamento químico e físico do carbono orgânico total em um solo de mata submetido a diferentes usos. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 32, 1471-1478.

Bavoso, M. A., Giarola, N. F. B., Tormena, C. A., & Pauletti, V. (2010). Preparo do solo em áreas de produção de grãos, silagem e pastejo: efeito na resistência tênsil e friabilidade de agregados. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 34, 227-234.

Bayer, C., Spagnollo, E., Wildner, L. D. P., Ernani, P. R., & Alburqueque, J. A. (2003). Incremento de carbono e nitrogênio num latossolo pelo uso de plantas estivais para cobertura do solo. Ciência Rural, 33, 469-475.

Bono, J. A. M., Macedo, M. C. M., & Tormena, C. A. (2013). Qualidade física do solo em um latossolo vermelho da região sudoeste dos cerrados sob diferentes sistemas de uso e manejo. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 37, 743-753.

Caetano, J. O., Benites, V. D. M., Silva, G. P., Silva, I. R. D., Assis, R. L. D., & Cargnelutti Filho, A. (2013). Dinâmica da matéria orgânica de um Neossolo Quartzarênico de Cerrado convertido para cultivo em sucessão de soja e milheto. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 37, 1245-1255.

Camargo, B.V., & Justo, A.M. (2013). Tutorial para uso do software de análise textual iramuteq. Laboratório de Psicologia Social da Comunicação e Cognição – LACCOS. Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil.

Cappelli, S.L., Domeignoz-Horta, L.A., Loaiza, V., & Laine, A-L. (2022). Plant biodiversity promotes sustainable agriculture directly and via belowground effects. Trends in Plant Science, 27, 674-687.

Cardoso, E. L., Silva, M. L. N., Moreira, F. M. D. S., & Curi, N. (2009). Atributos biológicos indicadores da qualidade do solo em pastagem cultivada e nativa no Pantanal. Pesquisa Agropecuária Brasileira, 44, 631-637.

Chaer, G. M., & Tótola, M. R. (2007). Impacto do manejo de resíduos orgânicos durante a reforma de plantios de eucalipto sobre indicadores de qualidade do solo. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 31, 1381-1396.

Cunha, J. M. D., Gaio, D. C., Campos, M. C. C., Soares, M. D. R., Silva, D. M. P. D., & Lima, A. F. L. D. (2017). Atributos físicos e estoque de carbono do solo em áreas de terra preta arqueológica da Amazônia. Revista Ambiente & Água, 12, 263-281.

D'Andréa, A. F., Silva, M. L. N., Curi, N., Siqueira, J. O., & Carneiro, M. A. C. (2002). Atributos biológicos indicadores da qualidade do solo em sistemas de manejo na região do cerrado no sul do estado de Goiás. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 26, 913-923.

Doran, J.W., & Parkin, T.B. (1994). Defining and assessing soil quality. In: Doran, J.W.; Coleman, D.C.; Bezdicek, D.F. & Stewart, B.A., eds. Defining soil quality for a sustainable environment. Madison: SSSA, p.1-20. (Special, 35)

FAO – Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura. (2014) Resolution adopted by the General Assembly on 20 December 2013. United Nations A/RES/68/232. Rome: United Nations.

FAO, ITPS, GSBI, CBD & EC. (2020). State of knowledge of soil biodiversity - Status, challenges and potentialities, Report 2020. Rome: FAO.

Fidalski, J., Tormena, C. A., & Scapim, C. A. (2007). Espacialização vertical e horizontal dos indicadores de qualidade para um latossolo vermelho cultivado com citros. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 31, 9-19.

Freitas, D. A. F. D., Silva, M. L. N., Cardoso, E. L., & Curi, N. (2012). Índices de qualidade do solo sob diferentes sistemas de uso e manejo florestal e cerrado nativo adjacente. Revista Ciência Agronômica, 43, 417-428.

Freitas, I. C. D., dos Santos, F. C., Custódio Filho, R. D. O., Silva, N. R. D. A., & Correchel, V. (2012). Resistência à penetração em Neossolo Quartzarênico submetido a diferentes formas de manejo. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, 16, 1275-1281.

IUSS – International Union of Soil Science. (2015). International Decade of Soils 2015-2024. Vienna Soil Declaration. Disponível em: https://www.iuss.org/international-decade-of-soils/. Acesso em: 09/07/2022.

Karlen, D. L., De, M., McDaniel, M.D., & Stott, D.E. (2021) Evolution of the Soil Health Movement. In: Douglas L. K., Stott, D. E. Stott, & Mikha, M.M. (eds.) Soil Health Series: Volume 1 Approaches to Soil Health Analysis. Madison: SSSA, p. 21-48.

Karlen, D.L., Mausbach, M.J., Doran, J.W., Cline, R.G., Harris, R.F., & Schuman, G.E. Soil quality: A concept, definition, and framework for evaluation (a guest editorial). (1997). Soil Science Society of American Journal, 61, 4-10.

Leite, L. F. C., Mendonça, E. S., Neves, J. C. L., Machado, P. L. O. A., & Galvão, J. C. C. (2003). Estoques totais de carbono orgânico e seus compartimentos em argissolo sob floresta e sob milho cultivado com adubação mineral e orgânica. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 27, 821-832.

Leite, L. F., Arruda, F. P. D., Costa, C. D. N., Ferreira, J. D. S., & Holanda Neto, M. R. (2013). Qualidade química do solo e dinâmica de carbono sob monocultivo e consórcio de macaúba e pastagem. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, 17, 1257-1263.

Leite, L. F., Galvão, S. R., Holanda Neto, M. R., Araújo, F. S., & Iwata, B. F. (2010). Atributos químicos e estoques de carbono em Latossolo sob plantio direto no cerrado do Piauí. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, 14, 1273-1280.

Morales, C. A. S., Albuquerque, J. A., Almeida, J. A. D., Marangoni, J. M., Stahl, J., & Chaves, D. M. (2010). Qualidade do solo e produtividade de Pinus taeda no planalto catarinense. Ciência Florestal, 20, 629-640.

Neto, D. N. N., Santos, A. C. D., Santos, P. M., Melo, J. C., & Santos, J. S. (2013). Análise espacial de atributos do solo e cobertura vegetal em diferentes condições de pastagem. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, 17, 995-1004.

Neto, F. V. da C., Pereira, M. G., Leles, P. S. dos S., & Abel, E. L. da S. (2018). Atributos químicos e físicos do solo em áreas sob diferentes coberturas florestais e pastagem em Além Paraíba - MG. Ciência Florestal, 28(1), 13–24.

Neves, C. M. N. D., Silva, M. L. N., Curi, N., Macedo, R. L. G., & Tokura, A. M. (2004). Estoque de carbono em sistemas agrossilvopastoril, pastagem e eucalipto sob cultivo convencional na região noroeste do Estado de Minas Gerais. Ciência e Agrotecnologia, 28, 1038-1046.

Orgiazzi, A., Bardgett, R.D., Barrios, E., Behan-Pelletier, V., Briones, M.J.I., Chotte, J-L., De Deyn, G.B., Eggleton, P., Fierer, N., Fraser, T., Hedlund, K., Jeffery, S., Johnson, N.C., Jones, A., Kandeler, E., Kaneko, N., Lavelle, P., Lemanceau, P., Miko, L., Montanarella, L., Moreira, F.M.S., Ramirez, K.S., Scheu, S., Singh, B.K., Six, J., van der Putten, W.H., Wall, D.H. (Eds.). (2016) Global Soil Biodiversity Atlas. Luxembourg: European Commission, Publications Office of the European Union.

Pegoraro, R. F., Silva, I. R. D., Novais, R. F. D., Barros, N. F. D., Cantarutti, R. B., & Fonseca, S. (2014). Estoques de carbono e nitrogênio em Argissolo submetido ao monocultivo de Eucalyptus urograndis e em rotação com Acacia mangium. Ciência Florestal, 24, 935-946.

Pillon, C. N., Santos, D. C. D., Lima, C. L. R. D., & Antunes, L. O. (2011). Carbono e nitrogênio de um Argissolo Vermelho sob floresta, pastagem e mata nativa. Ciência Rural, 41, 447-453.

Pôrto, M. L., Alves, J. D. C., Diniz, A. A., Souza, A. P. D., & Santos, D. (2009). Indicadores biológicos de qualidade do solo em diferentes sistemas de uso no Brejo Paraibano. Ciência e Agrotecnologia, 33, 1011-1017.

Rangel, O. J. P., & Silva, C. A. (2007). Estoques de carbono e nitrogênio e frações orgânicas de Latossolo submetido a diferentes sistemas de uso e manejo. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 31, 1609-1623.

Rangel‑Vasconcelos, L. G. T., Kato, O. R., & Vasconcelos, S. S. (2012). Matéria orgânica leve do solo em sistema agroflorestal de corte e trituração sob manejo de capoeira. Pesquisa Agropecuária Brasileira, 47, 1142-1149.

Ribeiro, J. M., Frazão, L. A., Fernandes, L. A., Sampaio, R. A., Cardoso, P. H. S., & Oliveira, A. L. G. (2019). Fertilidade do solo e estoques de carbono e nitrogênio sob sistemas agroflorestais no Cerrado mineiro. Ciência Florestal, 29(2), 913–923.

Sá, M. A. C. D., Santos Junior, J. D. D. G. D., Franz, C. A. B., & Rein, T. A. (2016). Qualidade física do solo e produtividade da cana-de-açúcar com uso da escarificação entre linhas de plantio. Pesquisa Agropecuária Brasileira, 51, 1610-1622.

Salviati, M. E. (2017). Manual do Aplicativo Iramuteq (versão 0.7 Alpha 2 e R Versão 3.2.3). Compilação, organização e notas de Maria Elisabeth Salviati. 93 p.

Sanches, A. C., Silva, A. P., Tormena, C. A., & Rigolin, A. T. (1999). Impacto do cultivo de citros em propriedades químicas, densidade do solo e atividade microbiana de um podzólico vermelho-amarelo. Revista Brasileira de Ciência do solo, 23, 91-99.

Silva, J. R. C., & da Silva, F. J. (1997). Eficiência de cordões de pedra em contorno na retenção de sedimentos e melhoramento de propriedades de um solo litólico. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 21, 441-446.

Silva, M. C. C. da, Andreotti, M., Passos e Carvalho, M. P., Costa, N. R., & Rocha Lima, C. G. (2017). Atributos químicos do solo e produtividade do feijoeiro de inverno sob plantio direto no cerrado de baixa altitude. Revista Engenharia Na Agricultura - REVENG, 25(6), 549–560.

Silva, R. A. F., & Sousa, M. de M. (2018). Análise lexical por meio do software iramuteq: estudo do significado do trabalho do juiz. XXI SemeAd: Seminários de Administração, 1-16.

Silva, R. R. D., Silva, M. L. N., & Ferreira, M. M. (2005). Atributos físicos indicadores da qualidade do solo sob sistemas de manejo na bacia do Alto do Rio Grande-MG. Ciência e agrotecnologia, 29, 719-730.

Silva, S., & Ribeiro, E. A. W. (2021). O software iramuteq como ferramenta metodológica para análise qualitativa nas pesquisas em educação profissional e tecnológica. Cadernos de Educação Tecnologia e Sociedade, 14 (2), 275-284.

Simon, C. D. P., Gomes, T. F., Pessoa, T. N., Soltangheisi, A., Bieluczyk, W., Camargo, P. B. D., & Cherubin, M. R. (2022). Literatura sobre qualidade do solo no Brasil: uma revisão sistemática. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 46.

Suzuki, L. E. A. S., Lima, C. L. R. de, Reinert, D. J., Reichert, J. M., & Pillon, C. N. (2012). Condição estrutural de um argissolo no Rio Grande do Sul, em floresta nativa, em pastagem cultivada e em povoamento com eucalipto. Ciência Florestal, 22(4), 833–843.

Tarrá, I. L., Luizão, F. D. J., Wandelli, E. V., Teixeira, W. G., Morais, W. J., & Castro, J. G. (2010). Tempo de uso em pastagens e volume dos macroporos do solo na Amazônia Central. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, 14, 678-683.

Troian, D., Sérgio Rosset, J., Batista Nandi Martins, L. F., Barros Ozório, J. M., de Pierri Castilho, S. C., & Marciano Marra, L. (2020). Carbono orgânico e estoque de carbono do solo em diferentes sistemas de manejo. Revista em Agronegócios e Meio Ambiente, 13(4).

Vargas, L. K., & Scholles, D. (2000). Biomassa microbiana e produção de c-co2 e n mineral de um podzólico vermelho-escuro submetido a diferentes sistemas de manejo: microbial biomass and C-CO2 and mineral nitrogen production in paleudult soil cultivated under different management systems. Revista Brasileira de Ciência do solo, 24, 35-42.

Vezzani, F. M (2015). Solos e os serviços ecossistêmicos. Revista Brasileira de Geografia Física, 8, 673-684.

Vezzani, F. M., & Mielniczuk, J. (2009). Uma visão sobre qualidade do solo. Revista brasileira de ciência do solo, 33, 743-755.

Winck, B. R., Vezzani, F. M., Dieckow, J., Favaretto, N., & Molin, R. (2014). Carbono e nitrogênio nas frações granulométricas da matéria orgânica do solo, em sistemas de culturas sob plantio direto. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 38, 980-989.

Zaninetti, R. A., Moreira, A., & Moraes, L. A. C. (2016). Atributos físicos, químicos e biológicos de latossolo amarelo na conversão de floresta primária para seringais na Amazônia. Pesquisa Agropecuária Brasileira, 51, 1061-1068.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2022 Rafaela Dembiski Lopes, Fabiane Machado Vezzani, Erick Vinicius Paraguaio

Revista Brasileira de Meio Ambiente | ISSN: 2595-4431

CC-BY 4.0 Revista sob Licença Creative Commons
Language/Idioma
02bandeira-eua01bandeira-ingla
03bandeira-spn